As equipes responsáveis pelo contínuo sucesso do Festival de Turismo de Gramado — Festuris não param. O diretor Eduardo Zorzanello, na Espanha, faz palestra, participa de encontro e entrega prêmio. Já Marcos Rossi amplia conhecimentos sobre turismo de luxo.

 

Sendo o país mais visitado da América Latina e o 10º do mundo, o México reúne um acervo de atrativos naturais, monumentos históricos, manifestações culturais e opções de gastronomia para todos os gostos. Suas belíssimas praias em dois oceanos — Atlântico e Pacífico —, a herança arquitetônica de diversas épocas e estilos, deixada tanto por nativos quanto por colonizadores, e um clima dos mais agradáveis atraem turistas o tempo todo.

Dentre os colares de praias mexicanas no seu litoral atlântico, aquelas situadas próximos a Cancún destacam-se como dos pontos mais buscados, inclusive por brasileiros. Também pudera! Além de estrutura de receptivo com hospedagem de primeiro nível, passeios diferenciados, cozinha variada, centros de compras e vida noturna, ao seu redor destaca-se um grande conjunto de ruínas da civilização maia misturada a uma paisagem exuberante.

Tudo isto se repete, tanto na costa do Oceano Pacífico quanto nas regiões Norte, Central e Sul do seu enorme território. E é esta multiplicidade de opções que o México vai exibir no Brasil, mais precisamente na região de serras do Estado do Rio Grande do Sul, a partir da confirmação de sua participação no Festival de Turismo de Gramado — Festuris, de 3 a 6 de novembro, no Sierra Park, o grande centro de exposições e feiras da cidade de Gramado.

 

México confirma presença na edição 2016 do Festival de Turismo de Gramado

México reúne um acervo de atrativos naturais, monumentos históricos, manifestações culturais e opções de gastronomia para todos os gostos

 

Aruba, no Festival de Turismo de Gramado desde 1988, prepara-se para exibir seus atrativos em novembro

Um dos expositores presentes ao Festival de Turismo de Gramado — Festuris em todas as suas 27 edições é Aruba. Trata-se de um dos pontos mais encantadores do Mar do Caribe. Suas praias de água turquesa e ornadas por areias branquíssimas sempre surpreendem seus visitantes. Destino popular para Lua de Mel, Aruba tem tudo o que um casal recém-casado precisa: resorts de qualidades, tempo bom o ano todo e muito para ver e fazer ao ar livre.

Com temperatura média é de 28 graus Célsius e dias ensolarados o tempo todo, a Ilha de Aruba integra as Pequenas Antilhas. Está situada a cerca de 30 quilômetros do litoral da Venezuela, tem por volta de 33 quilômetros de comprimento e sete de largura máxima. Abrigando uma população fixa, aproximada, de 100 mil habitantes, integra a comunidade dos Países Baixos — ao lado de Saint Maarten e Curaçao, ali bem próximos, e Holanda.

A pequena nação é uma verdadeira ONU em termos de línguas: tendo como idioma oficial o holandês, fala-se também espanhol, francês, inglês e português, além de dialetos vindos da África e o papiamento, uma curiosa mistura de termos de todos os idiomas citados antes. Apelidada de “Uma pequena-grande feliz ilha”, em Aruba não falta animação seja diurna, seja noturna. Além, é claro!, de paisagens de tirar o fôlego até do mais insensível turista.

 

México confirma presença na edição 2016 do Festival de Turismo de Gramado

Destino popular para Lua de Mel, Aruba tem tudo o que um casal recém-casado precisa: resorts de qualidades, tempo bom o ano todo e muito para ver e fazer ao ar livre.

 

Diretor do Festival de Turismo de Gramado apresenta case do Salão LGBT a empresários de todo o mundo

 

Outro segmento de turismo que vem mostrando crescimento ao longo dos anos em todo o mundo é o do grupo formado por lésbicas, gays, bissexuais e transexuais — identificado pela sigla LGBT. Segundo dados da Organização Mundial do Turismo — OMT, este nicho vem apresentando incremento em torno de 10% ao ano. E representa um grupo com renda acima da média, com capacidade para custear produtos e serviços bastante diferenciados.

Como é assunto de interesse de todos aqueles buscando ampliar seus negócios dentro da ampla cadeia de turismo, há demanda forte para se conhecer experiências na gestão de ações voltadas ao turismo LGBT. E o Festival de Turismo de Gramado — Festuris, por ter sido um dos primeiros eventos a criar um salão especializado neste setor dentro do portfólio de opções de atração de expositores, tem muito a contribuir com esta troca de informações.

Foi com este objetivo que os organizadores da Feira Internacional de Turismo — Fitur, realizada neste mês de janeiro de 2016, convidou Eduardo Zorzanello, um dos diretores do Festuris, para fazer palestra especial na cidade de Madri, a belíssima capital da Espanha. Na oportunidade, o executivo apresentou a trajetória do Salão LGBT dentro do evento e teve a oportunidade de debater com os presentes os desafios que se apresentam para o futuro.

Eduardo Zorzanello destaca como grande honra ter sido convidado a apresentar o case do Festuris em um dos mais importantes eventos de turismo do mundo. “Além de mostrarmos o Brasil, o Estado do Rio Grande do Sul e nossa cidade de Gramado, estar na Fitur permite estabelecer novos relacionamentos e fortalecer parcerias existentes” — reforça Eduardo. A edição 2016 da Fitur reuniu nove mil expositores e recebeu mais de 120 mil profissionais.

 

 

México confirma presença na edição 2016 do Festival de Turismo de Gramado

Eduardo Zorzanello: O Festival de Turismo de Gramado — Festuris foi um dos primeiros eventos em todo o mundo a criar um salão especializado para o público LGBT

 

Afiliados Ibero-americanos da Organização Mundial do Turismo debatem crescimento do turismo na Espanha

 

A Rossi & Zorzanello Feiras e Eventos, organizadora do Festival de Turismo de Gramado — Festuris, é a primeira empresa brasileira a alcançar certificação de qualidade junto à Organização Mundial do Turismo — OMT, uma das agências que fazem parte da estrutura da Organização das Nações Unidas — ONU. A OMT tem, hoje, 115 países membros, que classificados e reunidos sob diversos aspectos, dependendo dos temas a serem tratados.

Diversas destas classificações são montadas de acordo com a localização geográfica de cada uma daquelas nações. O Brasil, por exemplo, faz parte de várias: Américas, América Latina e América do Sul, nações emergentes, de língua portuguesa e outras. Uma das mais significativas é a de Afiliados Ibero-Americanos, reunindo o integrante da América Latina a dois dos mais importantes destinos turísticos do mundo: os europeus Espanha e Portugal.

Tanto é assim que, periodicamente, realiza-se um encontro especialmente voltado a eles. O deste ano de 2016 aconteceu agora no mês de janeiro, em paralelo à Feira Internacional de Turismo — Fitur, na belíssima cidade de Madri, capital da Espanha. E lá esteve presente o executivo Eduardo Zorzanello, um dos diretores do Festuris, com o objetivo de estreitar os vínculos de cooperação e solidariedade e aproveitar troca de informações e experiências.

Na pauta, estratégias e Plano de Ações para os próximos 12 meses, com a intenção de ampliar o progresso do turismo no âmbito ibero-americano. Os presentes — representantes de países-membros, gestores públicos, dirigentes de entidades e ONGs, executivos da iniciativa privada etc. — veem o desenvolvimento e fortalecimento daquele segmento da economia com condição necessária ao bem-estar das sociedades dos países membros.

 

México confirma presença na edição 2016 do Festival de Turismo de Gramado

O crescimento do turismo na área dos países ibero-americanos foi tema de debate durante a Feira Internacional de Turismo — Fitur, neste mês de janeiro, na cidade de Madri, capital da Espanha

 

México confirma presença na edição 2016 do Festival de Turismo de Gramado

Eduardo Zorzanello, diretor do Festival de Turismo de Gramado — Festuris, e Yolanda Perdomo, diretora de membros afiliados da Organização Mundial do Turismo — OMT

 

Prêmio Sílvia Zorzanello 2016, entregue na Espanha, homenageia destino Estado do Rio Grande do Norte

O reconhecimento à importância e ao trabalho da empreendedora Sílvia Zorzanello, uma das fundadoras da Rossi & Zorzanello Feiras e Eventos, empresa responsável pela criação e pelo sucesso de quase 30 anos do Festival de Turismo de Gramado — Festuris, rompeu as fronteiras do Brasil. A maior prova disso foi a criação do Prêmio Sílvia Zorzanello, como iniciativa do Grupo Excelências, situado na belíssima cidade de Madri, capital da Espanha.

O Prêmio Sílvia Zorzanello surgiu há cinco anos, para homenagear entidades, instituições, órgãos ou personalidades com contribuições decisivas para o desenvolvimento e progresso do turismo em nossa Nação. Neste início do ano do 2016, o homenageado foi o Estado do Rio Grande do Norte, situado na Região Nordeste do País. Uma boa escolha, pois trata-se de um dos destinos nacionais mais procurados por estrangeiros, e europeus em particular.

A láurea foi recebida pelo secretário de Turismo daquela unidade de nossa Federação, Ruy Gaspar, sendo acompanhado pela diretora-presidente da Empresa Potiguar de Promoção Turística — Emprotur, Ana Costa, durante a realização da Feira Internacional de Turismo — Fitur. Naquela oportunidade, entregaram o troféu José Santiago, presidente do Grupo Excelências, e Eduardo Zorzanello, diretor do Festuris e também filho de Sílvia Zorzanello.

Emocionado com mais esta lembrança da importância de sua mãe, tanto para o turismo brasileiro quanto para o internacional, pessoa precocemente falecida, Eduardo Zorzanello revelou que a indicação é consequência da parceria estratégica que o Festuris mantém com o Estado do Rio Grande do Norte desde a primeira edição do evento, em 1988. “E um dos destinos de extrema importância para o crescimento do turismo brasileiro” — finalizou.

 

México confirma presença na edição 2016 do Festival de Turismo de Gramado

Eduardo Zorzanello, diretor do Festival de Turismo de Gramado — Festuris; Ana Costa, diretora-presidente da Empresa Potiguar de Promoção Turística — Promotur; Ruy Gaspar, secretário de Turismo do Estado do Rio Grande do Norte; e, José Santiago, presidente do Grupo Excelências

 

Município de Gramado batiza como Praça Sílvia Zorzanello nova área de lazer construída na cidade

 

A Câmara de Vereadores do Município de Gramado aprovou um projeto de Lei que atribui a uma área localizada junto ao Centro de Cultura daquela cidade o nome de Praça Sílvia Zorzanello. O espaço de lazer, com cerca de dois mil metros quadrados, foi construído durante o ano de 2015, em atendimento à comunidade do Bairro Planalto. Sua denominação homenageia a mulher que muito contribuiu para o crescimento do turismo em todo o País.

Sílvia Zorzanello iniciou sua trajetória profissional no antigo Comitê Municipal de Turismo — Comtur, uma espécie de Secretaria de Turismo, nos anos 1960 e 1970. Depois, passou pelo Hotel Serrano, até fundar sua própria empresa, ao lado de outra empreendedora local, Marta Rossi. Juntas, as duas criaram diversos eventos, sendo o mais importante deles o Festival de Turismo de Gramado — Festuris, caminhando para completar seus 30 anos.

— Vibramos com a informação que o Município de Gramado, tanto através do Executivo quanto do Legislativo, prestou essa justa homenagem. Toda a nossa família, bem como a nossa empresa, está honrada e grata, por tão merecido aplauso público” — destacou muito emocionado o jovem executivo Eduardo Zorzanello. Além de filho de Sílvia Zorzanello, tornou-se herdeiro dos grandes sonhos da mãe, como um dos três diretores do Festuris.

 

México confirma presença na edição 2016 do Festival de Turismo de Gramado

Eduardo Zorzanello, diretor do Festival de Turismo de Gramado — Festuris; Michele Scariot; secretária de Cultura da cidade de Gramado; Nestor Tissot, prefeito do Município; e, e Vinícius Zorzanello, irmão de Eduardo, o outro filho de Sílvia Zorzanello

 

Marcos Rossi, diretor, e Verônica Silva, assistente comercial do Festuris: capacitação em Turismo de Luxo

Incrível! O segmento do turismo de luxo, sozinho, é responsável pela geração de 25% de toda a receita movimentada pelo turismo mundial a cada ano. Ou seja: um quarto do total. E oferece este resultado espetacular apesar de representar, apenas, 3% do total de turistas do nosso planeta. Sabe por quê? Porque é um grupo que gasta, em média, oito vezes mais que o turista convencional. Repetindo para ficar claro: cada dólar do segundo, oito do primeiro.

Os dados acima, incontestáveis sob qualquer aspecto, são resultados de amplas pesquisas realizadas pela Organização Mundial do Turismo — OMT. Eles exibem oportunidades de negócios que não podem ser deixadas de lado, principalmente por um evento especializado na geração de novas receitas para a cadeia produtiva do turismo, como é o caso do Festival de Turismo de Gramado — Festuris, caminhando para a sua edição 28 em novembro 2016.

Foi imbuído com o espírito de ampliar conhecimentos sobre este nicho de mercado que o executivo Marcus Vinícius Rossi, diretor do Festuris, e Verônica Silva, assistente comercial do evento, participaram do curso “Estratégias e Gestão do Turismo de Luxo”, oferecido na Escola Superior de Propaganda e Marketing — ESPM, na cidade de São Paulo, capital do Estado de São Paulo. As aulas foram ministradas por Gabriela Otto, especialista no tema.

 

México confirma presença na edição 2016 do Festival de Turismo de Gramado

Marcos Rossi, diretor do Festival de Turismo de Gramado — Festuris; Gabriela Otto, especialista em turismo de luxo da Escola Superior de Propaganda e Marketing — ESPM; e, Verônica Silva, assistente comercial do Festuris

 

Parque Nacional de Aparados da Serra e Parque Nacional da Serra Geral: atrativos no Sul do País

Junto à porção mais a Leste da divisa entre o Estado de Santa Catarina e o Estado do Rio Grande do Sul, na Região Sul do Brasil, situam-se o Parque Nacional de Aparados da Serra e o Parque Nacional da Serra Geral. Estes dois espaços de proteção da natureza abrangem área de aproximadamente 31 mil hectares, distribuídos ao longo de contrafortes, cadeia de montanhas que se destaca, mais ou menos perpendicularmente, de um maciço principal.

Destaca-se neste cenário conformação geográfica particular, caracterizada principalmente por paredões verticais, lisos, com até 700 metros de altura, como se tivessem sido aparados, desbastados, esculpidos manualmente. O conjunto contrasta severamente com o relevo de planalto a seus pés. Seus aspectos naturais refletem atributos cênicos, culturais, históricos e de biodiversidade que justificam a conservação e o manejo sustentável de seus recursos.

Toda esta riqueza é a responsável tanto pela heterogeneidade de ecossistemas quanto pelo potencial turístico de ambos os parques, nacional e internacionalmente conhecidos pelos famosos e impressionantes cânions localizados no interior de seus limites territoriais. Eles têm os terrenos quase todos cobertos por espécies da Mata Atlântica e enorme quantidade de araucárias, morada do guaxinim, jaguatirica, papagaio-de-peito-roxo e puma leão-baio.

Há três percursos abertos à circulação de pessoas a pé ou de bicicleta: Trilha do Cotovelo, Trilha do Rio do Boi e Trilha do Vértice. A primeira e a última são as mais atrativas, pois correm pela parte superior, dando visibilidade a paisagens de tirar o fôlego. A Rio do Boi é o acesso ao interior do cânion. Para qualquer elas, o acesso é feito pelo Posto de Controle localizada na cidade de Praia Grande, Município no limite Sul do Estado de Santa Catarina.

 

México confirma presença na edição 2016 do Festival de Turismo de Gramado

Tanto o Parque Nacional dos Aparados da Serra quanto o Parque Nacional da Serra Geral têm os terrenos quase todos cobertos por espécies da Mata Atlântica e enorme quantidade de araucárias, morada do guaxinim, jaguatirica, papagaio-de-peito-roxo e puma leão-baio